RSS

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Adultos: A Razão da nossa fé – Assim cremos, assim vivemos
Lição 08: A Igreja de Cristo
Professoras e professores, observem estas orientações:
1 – Antes de abordar o tema da aula, é interessante que vocês mantenham uma conversa informal e rápida com os alunos:
- Cumprimentem os alunos.
- Dirijam-se aos alunos, chamando-os pelo nome, para tanto é importante uma lista nominal para que vocês possam memorizar.
- Perguntem como passaram a semana.
- Escutem atentamente o que eles falam.
- Observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração.
- Verifiquem se há alunos novatos e/ou visitantes e apresentem cada um.
2 - Este momento não é uma mera formalidade, mas uma necessidade. Ao escutá-los, vocês estão criando vínculo com os alunos, eles entendem que vocês também se importam com eles.
Outro fator importante para estabelecer vínculos com os alunos é através das redes sociais, adicionem os alunos e mantenham comunicação com eles.
3 - Após a chamada, solicitem ao secretário da classe a relação dos alunos ausentes e procurem manter contato com eles durante a semana, através de telefone ou email ou pelas redes sociais, deixando uma mensagem “in box” dizendo que sentiu falta dele(a) na EBD).
Os alunos se sentirão queridos, cuidados, perceberão que vocês sentem falta deles. Dessa forma, vocês estarão estabelecendo vínculos afetivos com seus alunos.
4 – Escolham um momento da aula, para mencionar os nomes dos alunos aniversariantes, parabenizando-os, dando-lhes um abraço, oferecendo um versículo.
5 – Fazendo o que foi exposto acima, somando-se a um professor motivado, associando a uma boa preparação de aula, com participação dos alunos, vocês terão bons resultados! Experimentem!
6  – Agora, vocês iniciam o estudo da lição. Vejam estas sugestões:
- Apresentem o título da lição: A Igreja de Cristo.
- Apresentem o que defende a declaração de fé da Assembleia de Deus:
“Na Igreja, que é o corpo de Cristo, coluna e firmeza da verdade, una, santa e universal assembleia dos fiéis remidos de todas as eras e todos os lugares, chamados do mundo pelo Espírito Santo para seguir a Cristo e adorar a Deus (1 Co 12.27; Jo 4.23; 1 Tm 3.15; Hb 12.23; Ap 22.17)”.
- Depois, utilizem a dinâmica O Boneco”.
- Em seguida, trabalhem o conteúdo da lição.
Ao trabalhar o conteúdo da lição, vocês devem oportunizar a participação do aluno, envolvendo-o através de exemplos e situações próprias de sua idade. Dessa forma, vocês estão contextualizando o tema com a vida do aluno, além de promover uma aprendizagem mais significativa.
- Para concluir, leiam e reflitam o texto “Sermão Silencioso”
Tenham uma excelente e produtiva aula!

Atenção! Professores da classe dos novos convertidos:
Vocês encontram sugestões para a revista Discipulando do 1o. ao 4o. ciclo, no marcador "Discipulando", deste blog.
Para a revista 1 e 2 do Discipulado, vocês encontram no marcador "Subsídio Pedagógico Discipulado 1" e "Subsídio Pedagógico Discipulado 2", do currículo antigo. Façam bom proveito!

Dinâmica: O Boneco
Objetivo: Refletir sobre o trabalho em equipe e a importância da unidade e comunhão no Corpo de Cristo.
Material:
Para o grupo 01: 01 folha de papel ofício e coleção de lápis colorido.
Para o grupo 02: 04 tesouras, 02 tubos de cola, 11 lápis coloridos e 11 folhas de papel ofício, estando escrito nelas as seguintes indicações para desenhar, conforme descrição abaixo:
Folha 01: Cabeça
Folha 02: Pescoço
Folha 03: Tronco (humano)
Folha 04: Braço direito
Folha 05: Braço esquerdo
Folha 06: Mão direita
Folha 07: Mão esquerda
Folha 08: Perna direita
Folha 09: Perna esquerda
Folha 10: Pé direito
Folha 11: Pé esquerdo
Procedimento:
1- Dividam a turma em dois grupos e forneçam as seguintes orientações:
Para o grupo 01:
- Desenhar um boneco, utilizando uma folha de papel ofício e uma coleção de lápis colorido, mas trabalhando em equipe. Para isso, esta atividade deverá ser executada sem que as pessoas do grupo 02 vejam o que está sendo desenvolvido.
Para o grupo 02(com 11 pessoas):
- Cada componente desenhará uma parte do boneco, individualmente, sem que os colegas vejam, para isso é recomendado que os membros deste grupo estejam separados.
- Montar o boneco, recortando as partes desenhadas e colando-as.
2 – Peçam ao grupo 01 e 02 para apresentar os dois bonecos.
3 – Solicitem para que observem o resultado de cada grupo.
O grupo 01 tem um boneco com partes proporcionais e uniformes. O grupo 02, embora apresentem um boneco com as características semelhantes ao boneco 01, tem um resultado disforme, desorganizado e desproporcional.
Perguntem: Por que são diferentes?
O Grupo 01 tem um resultado melhor porque trabalharam em equipe, houve unidade para o desenvolvimento do trabalho.
O Grupo 02 tem um mau resultado porque não trabalharam com união, não trabalharam de forma coletiva.
Quais conclusões podemos extrair dessa dinâmica para nossa vida cristã? Falem da importância da unidade e a comunhão que deve haver no Corpo de Cristo.
4 – Para concluir, leiam: I co 12. 12 e 27; Sl 133.01; Fp 2. 1 a 5.
Ideia original desconhecida.
Esta versão da dinâmica por Sulamita Macedo.

 Texto de Reflexão
Sermão Silencioso
Que importância tem a nossa comunhão com a Igreja local? Deixe-me responder a esta pergunta com uma história.
Um pastor estava preocupado com a ausência de um homem que normalmente vinha aos cultos. Depois de algumas semanas, ele decidiu visitá-lo. Quando o pastor chegou à casa deste homem, ele o encontrou sozinho, sentado diante de uma lareira. O pastor puxou uma cadeira e se sentou ao lado do homem. Mas depois de sua saudação inicial, ele não disse mais nada.
Os ficaram sentados em silêncio por alguns minutos, enquanto o pastor olhava para as chamas na lareira. Então pegou as pinças e tomou cuidadosamente uma brasa acesa das chamas e a colocou de lado. Sentou-se de volta na sua cadeira, ainda em silêncio. O seu anfitrião observou em reflexão silenciosa como a brasa começou a tremular e se pagou. Pouco depois, estava fria e sem vida.

O pastor olhou no seu relógio e disse que tinha que ir embora, mas antes disso pegou a brasa fria e a colocou de volta no fogo. Imediatamente, ela começou a luzir novamente com a luz e o calor do carvão aceso ao seu redor.
Quando o pastor se levantou para sair, o homem também se levantou e lhe deu um aperto de mão. Então, com um sorriso no seu rosto, ele disse: “Obrigado pelo sermão, pastor. Eu vejo o senhor na Igreja, no domingo”.

Autoria do texto: David Roper
Jovens: Tempo para todas as coisas
Lição 08: Depressão, um mal do nosso tempo
Professoras e professores, observem estas orientações:
1 – Antes de abordar o tema da aula, é interessante que vocês mantenham uma conversa informal e rápida com os alunos:
- Cumprimentem os alunos.

- Dirijam-se aos alunos, chamando-os pelo nome, para tanto é importante uma lista nominal para que vocês possam memorizar.
- Perguntem como passaram a semana.
- Escutem atentamente o que eles falam.
- Observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração.
- Verifiquem se há alunos novatos e/ou visitantes e apresentem cada um.
2 - Este momento não é uma mera formalidade, mas uma necessidade. Ao escutá-los, vocês estão criando vínculo com os alunos, eles entendem que vocês também se importam com eles.
Outro fator importante para estabelecer vínculos com os alunos é através das redes sociais, adicionem os alunos e mantenham comunicação com eles.
3 - Após a chamada, solicitem ao secretário da classe a relação dos alunos ausentes e procurem manter contato com eles durante a semana, através de telefone ou email ou pelas redes sociais, deixando uma mensagem “in box” dizendo que sentiu falta dele(a) na EBD).
Os alunos se sentirão queridos, cuidados, perceberão que vocês sentem falta deles. Dessa forma, vocês estarão estabelecendo vínculos afetivos com seus alunos.
4 – Escolham um momento da aula, para mencionar os nomes dos alunos aniversariantes, parabenizando-os, dando-lhes um abraço, oferecendo um versículo.
5 – Fazendo o que foi exposto acima, somando-se a um professor motivado, associando a uma boa preparação de aula, com participação dos alunos, vocês terão bons resultados! Experimentem!
6 – Agora, vocês iniciam o estudo da lição. Vejam estas sugestões:
- Apresentem o título da lição: Depressão, um mal do nosso tempo.
- Depois façam a distinção entre Espírito, Alma e Corpo.
- Coloquem no quadro as palavras ESTRESSE, ANSIEDADE, DEPRESSÃO, FOBIAS e SÍNDROME DO PÂNICO.
- E, em seguida, afirmem que estas palavras referem-se a doenças da alma. Forneçam informações sobre cada uma delas. Nesse momento, é importante a participação dos alunos, com depoimentos de situações sobre o tema em estudo.
- Depois, apliquem a dinâmica “Terra de conflito”.
- Agora, trabalhem o conteúdo da lição.
Ao trabalhar o conteúdo da lição, vocês devem oportunizar a participação do aluno, envolvendo-o através de exemplos e situações próprias de sua idade. Dessa forma, vocês estão contextualizando o tema com a vida do aluno, além de promover uma aprendizagem mais significativa.
Tenham uma excelente e produtiva aula!

Dinâmica: Terra de Conflito
Objetivo: Introduzir o estudo sobre ansiedade.
Material:
01 coração feito de cartolina para cada aluno
01 caixa de palitos de fósforos
01 bandeja

Procedimento:
- Entreguem 01 coração feito de cartolina para cada aluno.
- Falem: Quando falamos em coração, nos remetemos a fonte de ideias, das emoções, dos sentimentos etc.
- Perguntem:
Como está seu coração?
Seu coração é uma terra que está em conflito?
- Depois, falem:
Observem as seguintes orientações:
Se o seu coração:
Estiver tranquilo, não faça nada com ele.
Estiver sofrendo pressão, amasse-o.
Estiver dividido, sem saber o que fazer, divida ele ao meio, mas deixe uma parte ainda sem rasgar.
Se estiver inquieto, como algo que queima e incomoda, acenda um fósforo e queime uma parte do coração.
- Em seguida, recolham os corações e reflitam sobre as situações que os alunos estão vivenciando, representadas pelos corações, como terra de paz ou de conflito.
- Para concluir, leiam:
“Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o teu coração, porque dele procedem as fontes da vida”(Provérbios 4:23).
“Lançai sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós”(1 Pedro 5:7).
“Entrega o teu caminho ao Senhor; confia nele, e ele o fará”(Salmos 37:5).

Por Sulamita Macedo.
Pré-adolescentes – Currículo do Ano 1: Jesus, o Salvador
Lição 08: Ele venceu a Morte
Professoras e professores, observem estas orientações:
1 - Antes de abordar o tema da aula, é interessante que vocês mantenham conversa informal e rápida com os alunos:
- Cumprimentem os alunos.
- Dirijam-se aos alunos, chamando-os pelo nome, para tanto é importante uma lista nominal para que vocês possam memorizar.
- Perguntem como passaram a semana.
- Escutem atentamente o que eles falam.
- Observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração.
- Verifiquem se há alunos novatos e/ou visitantes e apresentem cada um.
2 - Este momento não é uma mera formalidade, mas uma necessidade. Ao escutá-los, vocês estão criando vínculo com os alunos, eles entendem que vocês também se importam com eles.
Outro fator importante para estabelecer vínculos com os alunos é através das redes sociais, adicionem os alunos e mantenham comunicação com eles.
3 - Após a chamada, solicitem ao secretário da classe a relação dos alunos ausentes e procurem manter contato com eles durante a semana, através de telefone ou email ou pelas redes sociais, deixando uma mensagem “in box” dizendo que sentiu falta dele(a) na EBD).
Os alunos se sentirão queridos, cuidados, perceberão que vocês sentem falta deles. Dessa forma, vocês estarão estabelecendo vínculos afetivos com seus alunos.
4 – Escolham um momento da aula, para mencionar os nomes dos alunos aniversariantes, parabenizando-os, dando-lhes um abraço, oferecendo um versículo.
5 – Fazendo o que foi exposto acima, somando-se a um professor motivado, associando a uma boa preparação de aula, com participação dos alunos, vocês terão bons resultados! Experimentem!
6 – Agora, vocês iniciam o estudo da lição. Vejam estas sugestões:
- Apresentem o título da lição: Ele venceu a Morte.
- Depois, utilizem a dinâmica “Vencendo a morte”.
- Em seguida, trabalhem o conteúdo da lição.  Lembrem-se de que vocês devem oportunizar a participação do aluno, envolvendo-o através de exemplos e situações próprias de sua idade. Dessa forma, vocês estão contextualizando o tema com a vida do aluno, além de promover uma aprendizagem mais significativa.
Tenham uma excelente e produtiva aula!

Dinâmica: Vencendo a Morte
Objetivo:
Introduzir o estudo sobre a ressurreição de Jesus, vencendo a morte e isto nos garante certeza de vida eterna.

Material:
Envelopes de 02 cores(uma cor para a metade da parte e a outra cor para a outra parte)
Papel com o nome Vida Eterna para colocar dentro da metade dos envelopes.
Papel com o nome Perdição Eterna para colocar dentro da outra metade dos envelopes
Procedimento:
- Apresentem para os alunos, uma bandeja com envelopes de 02 cores, que deverão estar fechados.
Dentro da metade dos envelopes deve estar a expressão Vida Eterna e na outra metade Perdição Eterna.
- Os alunos devem escolher um dos envelopes.
- Depois, eles devem ler o que escolheram e formar 02 grupos, um com o nome “Vida eterna” e outro “Perdição eterna”.
- Em seguida, leiam:
“Porque Deus amou o mundo de uma tal maneira, que deu Filho unigênito, para que todo aquele que nEle crê não pereça, mas tenha a vida eterna”(Jo 3.16).
- Falem: Jesus morreu por todas as pessoas e ressuscitou. Quem o aceita e vive de acordo com a Palavra de Deus tem a certeza de vida eterna. Mas aqueles que não o aceitam e vive em conformidade com o mundo terão a vida eterna.
- Falem: Vocês escolheram um dos envelopes e não sabiam qual o conteúdo dele, aqui é apenas uma demonstração. Mas, de forma consciente, vocês já optaram por aceitar a Cristo e estão no caminho da vida cristã. Parabéns pela escolha acertada!
- Enfatizem que somente poderemos ter direito a vida eterna, porque Jesus ressuscitou, vencendo a morte.
Por Sulamita Macedo. 
Adolescentes – Currículo do Ano 1: Vivendo em Sociedade
Lição 08: Sociedade e Política
Professoras e professores, observem estas orientações:
1 - Antes de abordar o tema da aula, é interessante que vocês mantenham uma conversa informal e rápida com os alunos:
- Cumprimentem os alunos.

- Dirijam-se aos alunos, chamando-os pelo nome, para tanto é importante uma lista nominal para que vocês possam memorizar.
- Perguntem como passaram a semana.
- Escutem atentamente o que eles falam.
- Observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração.
- Verifiquem se há alunos novatos e/ou visitantes e apresentem cada um.
2 - Este momento não é uma mera formalidade, mas uma necessidade. Ao escutá-los, vocês estão criando vínculo com os alunos, eles entendem que vocês também se importam com eles.
Outro fator importante para estabelecer vínculos com os alunos é através das redes sociais, adicionem os alunos e mantenham comunicação com eles.
3 - Após a chamada, solicitem ao secretário da classe a relação dos alunos ausentes e procurem manter contato com eles durante a semana, através de telefone ou email ou pelas redes sociais, deixando uma mensagem “in box” dizendo que sentiu falta dele(a) na EBD).
Os alunos se sentirão queridos, cuidados, perceberão que vocês sentem falta deles. Dessa forma, vocês estarão estabelecendo vínculos afetivos com seus alunos.
4 – Escolham um momento da aula, para mencionar os nomes dos alunos aniversariantes, parabenizando-os, dando-lhes um abraço, oferecendo um versículo.
5 – Fazendo o que foi exposto acima, somando-se a um professor motivado, associando a uma boa preparação de aula, com participação dos alunos, vocês terão bons resultados! Experimentem!
6 – Agora, vocês iniciam o estudo da lição. Vejam estas sugestões:
- Apresentem o título da lição: Sociedade e Política.
- Trabalhem os pontos apresentados na lição.
Lembrem-se de que ao trabalhar o conteúdo da lição, vocês devem oportunizar a participação do aluno, envolvendo-o através de exemplos e situações próprias de sua idade. Dessa forma, vocês estão contextualizando o tema com a vida do aluno, além de promover uma aprendizagem mais significativa.
- Para concluir, utilizem a dinâmica “O Voto”.
Tenham uma excelente e produtiva aula!

Dinâmica: O Voto
Objetivo:
Exercer o direito ao voto, através da escolha dos líderes ou secretários da classe ou decisão de uma atividade para a turma.
Material:
01 caixa de papelão pequena(servirá de urna)
Papéis pequenos para cada aluno
01 caneta
Procedimento:
- Decidam para que a votação vai ser feita: escolha dos líderes ou secretários da classe ou decisão de uma atividade para a turma.
- Peçam para que alguns alunos se candidatem ou vocês apresentam as propostas para votação para uma atividade a ser realizada com a turma.
- Falem que o voto será direto e secreto.
- Apresentem uma urna(uma caixa) e as cédulas de votação.
- Orientem para que cada aluno separadamente se dirija a urna e faça sua escolha, usando a cédula de votação, escrevendo o nome de um dos colegas ou votando na atividade para a turma.
- Depois, façam a contagem dos votos. O que tiver a maioria dos votos será o líder e o vice-líder será aquele que recebeu a quantidade de votos mais aproximada ao do líder. Ou a atividade que vai ser realizada com a turma.
- Em seguida, apresentem os vencedores e demais serão os suplentes, ou a atividade ganhadora.
- Para concluir, falem: A votação aqui realizada é um ato de participação política, algo que como cidadãos temos o dever de participar.

Por Sulamita Macedo.
Juvenis – Currículo do Ano 3: Avivamento para a Juventude 
Lição 08: Derramamento do espírito Santo
Professoras e professores, observem estas orientações:
1 - Antes de abordar o tema da aula, é interessante que vocês mantenham uma conversa informal e rápida com os alunos:
- Cumprimentem os alunos.
- Dirijam-se aos alunos, chamando-os pelo nome, para tanto é importante uma lista nominal para que vocês possam memorizar.
- Perguntem como passaram a semana.
- Escutem atentamente o que eles falam.
- Observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração.
- Verifiquem se há alunos novatos e/ou visitantes e apresentem cada um.
2 - Este momento não é uma mera formalidade, mas uma necessidade. Ao escutá-los, vocês estão criando vínculo com os alunos, eles entendem que vocês também se importam com eles.
Outro fator importante para estabelecer vínculos com os alunos é através das redes sociais, adicionem os alunos e mantenham comunicação com eles.
3 - Após a chamada, solicitem ao secretário da classe a relação dos alunos ausentes e procurem manter contato com eles durante a semana, através de telefone ou email ou pelas redes sociais, deixando uma mensagem “in box” dizendo que sentiu falta dele(a) na EBD).
Os alunos se sentirão queridos, cuidados, perceberão que vocês sentem falta deles. Dessa forma, vocês estarão estabelecendo vínculos afetivos com seus alunos.
4 – Escolham um momento da aula, para mencionar os nomes dos alunos aniversariantes, parabenizando-os, dando-lhes um abraço, oferecendo um versículo.
5 – Fazendo o que foi exposto acima, somando-se a um professor motivado, associando a uma boa preparação de aula, com participação dos alunos, vocês terão bons resultados! Experimentem!
6 – Agora, trabalhem o conteúdo da lição. Vejam as sugestões abaixo:
- Apresentem o título da lição: Derramamento do espírito Santo.
- Para introduzir o estudo do tema, utilizem a dinâmica “Pentecostes”.
- Depois, trabalhem o conteúdo da lição.
Ao trabalhar o conteúdo da lição, lembrem-se de que vocês devem oportunizar a participação do aluno, envolvendo-o através de exemplos e situações próprias de sua idade. Dessa forma, vocês estão contextualizando o tema com a vida do aluno, além de promover uma aprendizagem mais significativa.
Tenham uma excelente e produtiva aula!

Dinâmica: Pentecostes
Objetivo: Representar a descida do Espírito Santo através da expressão oral em várias línguas.
Material:
01 versículo bíblico em várias línguas, por exemplo: João 3.16 em Inglês, Francês, Espanhol, Português etc. Vocês podem conseguir, o trecho bíblico em vários idiomas, através da Bíblia on line.
Português: Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.
Inglês: For God so loved the world, that he gave his only begotten Son, that whosoever believeth on him should not perish, but have eternal life.
Espanhol: Porque de tal manera amó Dios al mundo, que ha dado á su Hijo unigénito, para que todo aquel que en él cree, no se pierda, mas tenga vida eterna.
Alemão: Also hat Gott die Welt geliebt, daß er seinen eingeborenen Sohn gab, auf daß alle, die an ihn glauben, nicht verloren werden, sondern das ewige Leben haben.
Francês: Car Dieu a tant aimé ceux qu’il a disposés, qu'il a donné son seul Fils engendré, afin que chacun d’eux qui croit en lui ne périsse point, mais qu'il ait la vie éternelle.
Procedimento:
- Falem sobre a descida do Espírito Santo que aconteceu de forma visível e audível.
- Leiam  Atos 2. 2 a 4.
- Falem: Agora vamos representar a expressão audível da descida do Espírito Santo.
- Entreguem o versículo em línguas diferentes para os alunos.
- Solicitem que leiam o versículo, todos ao mesmo tempo.
- Leiam Atos 2. 6 ao 12.
Observação: Caso não haja alunos na sala que falem uma língua estrangeira, vocês podem pedir ajuda a outra pessoa da igreja que lhe auxilie, ou indicando pessoas para falar ou ensinar a pronúncia das palavras.

Por Sulamita Macedo.